NOTÍCIAS
DO CAMPO
compartilhar este link
A problemática fila da Anvisa

25/07/2016 12:44:28
Starbucks apoia cafeicultores

25/06/2015 11:52:08
Texas terá ajuda contra HLB

02/06/2015 12:57:45
Lista PIC

21/05/2015
Mercado espanhol segue incerto

16/03/2015 17:09:59
Licopeno contra o frio

18/02/2015 17:31:55
Greening causa perdas na China

19/01/2015 17:37:42
Produção estável no Sul

06/08/2014 12:15:39
Em busca de novas plantas

24/06/2014 11:19:54
Cancro em debate

07/05/2014 11:41:00
Todos contra o Cancro

17/04/2014 11:07:00
De olho no cancro

11/04/2014 12:11:00
De portas abertas

05/03/2014 16:27:00
Reforço Espanhol

25/02/2014 17:35:00
Uma vespa contra o greening

13/02/2014 12:22:00
Os prejuízos do frio

11/02/2014 13:29:00
Mais verba contra o greening

03/02/2014 11:12:00
Califórnia abaixo de zero

12/12/2013 16:14:00
Produção em queda

10/12/2013 15:43:00
Novas soluções

19/11/2013 14:33:00
Em busca de salvação

17/10/2013 13:31:00
Molécula pode salvar pomares

15/10/2013 11:06:00
Para falar de doenças

10/10/2013 12:51:00
O DNA do grenning

03/10/2013 15:07:00
Em busca de aliados

01/10/2013 12:11:00
De olho no inseto

24/09/2013 10:36:00
Capacitação contra doenças

12/09/2013 11:04:00
A safra de Steger

19/08/2013 19:09:00
Greening avança em SP

02/08/2013 15:24:00
Produção em queda

11/07/2013 15:46:00
Formulário contra o greening

10/06/2013 15:47:00
Laranjas em queda

11/04/2013 14:24:00
Doenças avançam

08/04/2013 12:23:00
Menos laranja na Flórida

12/12/2012 15:06:00
Um PIC contra as pragas

25/04/2012 14:34:00
Menos laranja na Flórida

12/04/2012 16:53:00
Produtores perdem US$ 7 mi no México

Freshplaza.com - 23/01/2015 - Na região de Tamaulipas, perdas com pragas, climas e baixos preços comprometeram rentabilidade dos produtores

Os citricultores da região central de Tamaulipas, no México fizeram um primeiro levantamento de suas atividades e concluíram que já estão sofrendo perdas da ordem de US$ 7 milhões. O presidente da União Regional dos Produtores de Citrus Emiliano Zapata, Javier Ibarra Echartea, disse que as perdas têm sido causadas por muitos problemas, que incluem a queda dos preços de citrus, a presença de doenças e a excessiva umidade que tem causado a morte das árvores.

O setor sofreu duros golpes durante 2014 por causa desse tipo de fenômeno climático, apesar de Tamaulipas ocupar o segundo lugar na produção de citrus no país.

Ele acrescentou que, como resultado destes problemas, pelo menos oito mil hectares de laranja foram abandonados e não estão produzindo. Por isso ele considera urgente que o governo autorize ajudas financeiras para os produtores de citrus.
 
Ele também afirmou que as perdas econômicas se multiplicaram porque os produtores não conseguiam vender grande parte de seus frutos, uma vez que foram afetados por pragas e porque os preços não eram atrativos. Como se não bastasse esse cenário, os agricultores não têm como oferecer as garantias exigidas pelos bancos para oferecerem empréstimos.