NOTÍCIAS
compartilhar este link
Marketing de US$ 5 milhões

07/07/2020 10:01:25
Tarifa abre disputa na Espanha

26/06/2020 10:10:33
Greening assusta Califórnia

11/02/2020 10:36:02
Bem vindo, suco de laranja

10/02/2020 10:54:48
Limão azedo na Argentina

29/01/2020 14:41:02
Notícias pelo mundo

13/12/2019 16:40:13
Notícias pelo mundo

06/12/2019 16:45:44
Notícias pelo mundo

29/11/2019 16:49:04
Clima favorece pomares

08/02/2019 11:36:47
Greening perto de zero

21/05/2018 11:12:28
NOTA: CitrusBR e o Consecitrus

22/09/2017 16:11:36
17/06/2020
Seca derruba laranjas do México

FreshPlaza - Produtividade dos pomares mexicanos deve cair 34% em 2020

A seca e o calor persistentes estão tendo um efeito negativo cada vez maior sobre os citricultores mexicanos. De acordo com dados do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), a produtividade média da produção de laranjas por hectare deve cair 34% em 2020, passando de 14,36 toneladas por hectare para 9,51 toneladas por hectare.

As laranjas no México são, em média, bastante antigas. Dessa forma, a seca e as altas temperaturas estão atingindo mais intensamente, reduzindo o tamanho e a qualidade dos frutos. Muitos citricultores não usam os métodos corretos de irrigação, pesticidas ou fertilizantes, o que tem agravado o problema. Parte da culpa se deve ao declínio do apoio governamental ao setor, o que significa que muitos pequenos agricultores não podem pagar pela modernização dos pomares.

Entre 30% e 50% das laranjas mexicanas disponíveis são destinadas à indústria de processamento. Lá eles são transformados em suco. A maior parte desse suco é exportada para os EUA.

A seca também está afetando a safra de limão, outra fruta cujo o México é um grande produtor. A projeção é de que a safra 2019/2020 feche em volumes 10% menores em relação a safra anterior.