NOTÍCIAS
compartilhar este link
Marketing de US$ 5 milhões

07/07/2020 10:01:25
Tarifa abre disputa na Espanha

26/06/2020 10:10:33
Greening assusta Califórnia

11/02/2020 10:36:02
Bem vindo, suco de laranja

10/02/2020 10:54:48
Limão azedo na Argentina

29/01/2020 14:41:02
Notícias pelo mundo

13/12/2019 16:40:13
Notícias pelo mundo

06/12/2019 16:45:44
Notícias pelo mundo

29/11/2019 16:49:04
Clima favorece pomares

08/02/2019 11:36:47
Greening perto de zero

21/05/2018 11:12:28
NOTA: CitrusBR e o Consecitrus

22/09/2017 16:11:36
23/04/2020
Abertura dos EUA para citrus da China gera críticas

Citrus Industry - Medida anunciada pelo USDA foi alvo de críticas das principais entidades de produtores preocupados com o risco sanitário e concorrência desleal

A recente decisão do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) de permitir a importação de frutas cítricas frescas da China tem causado forte reação entre os produtores americanos. O Comissário de Agricultura da Flórida, Nikki Fried, enviou uma carta ao Secretário de Agriculta dos EUA, Sonny Perdue, apontando que a liberação das importações poderia trazer graves consequências a cadeia produtiva do país. 
 
Na carta, o comissário cita as quedas do mercado devido as restrições impostas pela crise causada pelo Coronavírus e pela entrada ilegal de frutas mexicanos no país. Além da questão da concorrência, Fried cita o risco sanitário na importação dos frutos. “Depois de tudo o que a indústria da Flórida superou e os desafios atuais que enfrentam nossos agricultores, a medida coloca em risco a nossa indústria agrícola, permitindo tanto a introdução de espécies invasoras adicionais quanto o aumento da concorrência estrangeira”, aponta. 

Lideres de duas das principais associações de produtores da Flórida, o Florida Citrus Mutual e Florida Farm Bureau, também soltaram comunicados criticando a abertura das importações. “A indústria cítrica da Flórida já está enfrentando uma doença não-nativa devastadora chamada greening, originária da China, que devastou nossos pomares na última década. Portanto, a ameaça é real”, afirmou Mike Sparks, CEO da Florida Citrus Mutual.